Conecte-se Conosco
Anuncie

Política

Cinegrafista causa polêmica ao filmar mulher contra sua vontade durante sessão na Câmara de Ji-Paraná

Discussão acalorada na Câmara de Vereadores de Ji-Paraná resulta em agressão a profissional durante tumulto. Leia mais sobre o incidente.

Publicado

em

Discussão acalorada na Câmara de Vereadores de Ji-Paraná resulta em agressão a profissional durante tumulto. Leia mais sobre o incidente.

Uma discussão tumultuada na Câmara de Vereadores de Ji-Paraná resultou em caos e violência nesta terça-feira, 23 de abril de 2024. Durante o debate acalorado sobre políticas municipais, uma apoiadora fervorosa do prefeito se envolveu em uma briga que culminou na agressão a um cinegrafista que cobria a sessão.

O tumulto começou quando um grupo de vereadores da oposição questionou duramente as ações da administração municipal, levantando questões sobre contratos públicos e gastos municipais. A discussão logo se transformou em um confronto verbal entre os legisladores, com acusações de corrupção e má gestão sendo arremessadas de ambos os lados da sala.

No auge da confusão, uma apoiadora ardente do prefeito, cuja identidade não foi divulgada, avançou em direção a um cinegrafista que estava registrando o tumulto. Testemunhas relatam que a mulher, visivelmente exaltada, começou a gritar e empurrar o profissional da imprensa, antes de desferir um soco que o atingiu no rosto.

Um cinegrafista, cuja identidade não foi revelada, insistiu em filmar uma mulher que assistia à sessão, mesmo após ela expressar claramente sua recusa em ser filmada.

A cena constrangedora começou quando a mulher, cujo nome também não foi divulgado, percebeu que estava sendo filmada de forma intrusiva pelo cinegrafista, que segurava o celular diretamente em seu rosto. Incomodada com a situação, ela pediu educadamente que parasse de filmá-la, mas o cinegrafista ignorou seu pedido e continuou a gravar.

A recusa da mulher em ser filmada desencadeou uma discussão acalorada entre os dois, chamando a atenção de outros presentes na sessão. Alguns vereadores tentaram intervir para acalmar os ânimos, enquanto outros expressaram indignação com a atitude do cinegrafista.

A situação evidenciou a importância do respeito à privacidade e consentimento das pessoas, mesmo em espaços públicos como a Câmara de Vereadores. Ainda não está claro se medidas serão tomadas contra o cinegrafista ou se a mulher buscará alguma forma de reparação pelo ocorrido.

Enquanto isso, o incidente serve como um lembrete para todos sobre a necessidade de respeitar os limites individuais e garantir o consentimento antes de registrar imagens de outras pessoas, especialmente em situações sensíveis ou desconfortáveis.

Enquanto isso, os vereadores presentes na sessão tentaram restaurar a ordem, mas o clima permaneceu tenso e carregado de emoção. A sessão foi temporariamente suspensa, e a polícia foi chamada para garantir a segurança no local.

Veja o momento do conflito registrado na Câmara de Vereadores.

Polícia Militar do Estado de Rondônia
Últimas notícias policiais relevantes em Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Ji-Paraná

Confira a convocação de 33 profissionais à Prefeitura de Ji-Paraná para reforço na área da saúde

Confira a convocação da Prefeitura de Ji-Paraná para reforço na área da saúde.

Publicado

em

Prefeitura de Ji-Paraná convoca 33 profissionais para reforçar atendimento na saúde

A Prefeitura de Ji-Paraná anuncia a convocação de 33 novos profissionais de saúde, aprovados em seu processo seletivo recente. Essa medida visa reforçar e expandir os serviços de saúde oferecidos à população, abrangendo áreas vitais como o Hospital Municipal, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da região.

De acordo com a Secretaria Municipal de Administração (Semad), os convocados são compostos por 13 enfermeiros e 20 técnicos de enfermagem. A iniciativa representa a quarta convocação realizada pela Prefeitura de Ji-Paraná, demonstrando um compromisso contínuo com a melhoria do atendimento e o suprimento das crescentes demandas por serviços de saúde na cidade.

O Secretário de Administração, Jônatas França, destaca a importância dessas novas contratações para acompanhar a expansão das unidades de saúde. Ele ressalta que a convocação ocorre em um momento estratégico, coincidindo com a inauguração de importantes instalações, como novas UBSs e o Pronto Atendimento no Hospital Dr. Claudionor Couto Roriz.

Ao longo do processo seletivo, foram chamados ao todo 180 profissionais de enfermagem. Os enfermeiros terão uma carga horária de 40 horas semanais, com salário inicial de R$ 3.542,09, enquanto os técnicos de enfermagem também terão uma carga horária de 40 horas semanais, com salário inicial de R$ 1.523,47.

Jônatas França ressalta ainda que essas contratações fazem parte de um esforço mais amplo para revolucionar o sistema de saúde do município. Ele destaca a expectativa de inauguração da Unidade do SAMU, totalmente equipada e com equipe completa, no próximo dia 1º de julho. Essas medidas visam proporcionar um atendimento de excelência à população de Ji-Paraná e fortalecer ainda mais o sistema de saúde local.

Os profissionais convocados devem apresentar toda a documentação exigida até sexta-feira (7), na Gerência Geral de Recursos Humanos da Prefeitura de Ji-Paraná. Esse procedimento é fundamental para garantir a efetivação das contratações e o rápido início de suas atividades nas unidades de saúde.

Com essa iniciativa, a Prefeitura de Ji-Paraná reafirma seu compromisso com a saúde pública e demonstra seu empenho em oferecer um atendimento de qualidade e acessível a todos os cidadãos. O reforço na equipe de saúde é um passo importante para garantir o bem-estar e a segurança da população, especialmente em tempos desafiadores como os que vivemos atualmente.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Internet/Reprodução

Continue Lendo

Notícias

Quem será o representante do PL na corrida pela prefeitura de Ji-Paraná?

O Partido Liberal (PL) em Ji-Paraná já tem seus pré-candidatos definidos para as eleições municipais.

Publicado

em

Marcos Rogério revela nomes cotados para representar o PL na disputa eleitoral de Ji-Paraná.

O Partido Liberal (PL) de Ji-Paraná já está se preparando para as eleições municipais de 2024, com a definição de seus pré-candidatos à prefeitura. Segundo Marcos Rogério, presidente estadual do partido, os nomes cotados são o médico João Durval e o deputado estadual Afonso Cândido.

Marcos Rogério destaca João Durval como uma figura reconhecida na área da saúde, com uma carreira sólida em Ji-Paraná. Sua experiência pode ser crucial para a melhoria dos serviços de saúde na cidade. Já Afonso Cândido é mencionado pelo seu histórico político notável, com atuações destacadas na Assembleia Legislativa de Rondônia e forte conexão com os eleitores locais.

O PL pretende oficializar seu candidato nas próximas convenções partidárias, visando apresentar uma candidatura competitiva e com propostas concretas para o desenvolvimento de Ji-Paraná. A escolha entre João Durval e Afonso Cândido será criteriosa, visando o melhor para o futuro do município.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Internet/Reprodução

Continue Lendo

Notícias

Prefeito de Ji-Paraná Entra com Pedido de Indenização de R$ 28 Mil Contra Radialista por Difamação

Prefeito Isaú Fonseca enfrenta acusações de corrupção durante entrevista na Plan FM. Confira os detalhes da investigação.

Publicado

em

No dia 23 de maio, o prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca, entrou com um processo contra o radialista Licomédio Pereira, após uma discussão acalorada durante uma entrevista na Rádio Planalto realizada no dia 20 de maio. A polêmica continuou no dia seguinte, quando os jornalistas envolvidos relembraram a entrevista, gerando desconforto para o prefeito e motivando a ação judicial.

Durante a entrevista, Licomédio Pereira chamou o prefeito de “mentiroso” e fez comentários depreciativos sobre os apoiadores de Isaú, afirmando que possuem “cérebro de lambari”. Além disso, o radialista mencionou que “nunca traficou drogas” e “nunca meteu as mãos nos cofres públicos”. Para finalizar, ele incluiu a música “Mentirosa” de Sandro Lúcio no programa.

O advogado de Isaú Fonseca declarou que as afirmações de Licomédio Pereira, transmitidas pela “Planalto FM”, não apenas ofendem a honra e a imagem do prefeito, mas também violam os princípios democráticos que regem a escolha e o apoio dos cidadãos aos seus representantes políticos.

Os advogados do prefeito pedem que Licomédio Pereira seja condenado por injúria e difamação, e que pague uma indenização de R$ 28.240,00. Além disso, solicitam que a justiça determine a remoção da entrevista completa do YouTube e do Facebook.

A empresa Sistema Itapirema de Comunicações LTDA, conhecida como “Planalto FM”, também está incluída no processo.

Prefeito de Ji-Paraná Isaú Fonseca Confrontado Sobre Telhas Superfaturadas e Corrupção

Na manhã desta sexta-feira (17), o prefeito Isaú Fonseca foi questionado sobre diversas acusações durante uma entrevista na Plan FM. Conduzida por Júnior de Matos, Euclides Maciel e Licomédio Pereira, a entrevista abordou a compra suspeita de telhas e outras alegações de corrupção.

Isaú Fonseca foi pressionado a responder sobre a compra de telhas em 2021, no valor de 4 milhões de reais, investigada por suspeita de superfaturamento. A questão foi levantada pelos repórteres que mencionaram um secretário, nomeado pelo prefeito, que vendeu as telhas e agora recebe um salário elevado.

Isaú explicou que as telhas foram compradas para melhorar o conforto das escolas municipais, mas até o momento não foram instaladas devido aos seus afastamentos para investigações de corrupção. Ele se defendeu das acusações, afirmando sua inocência e prometendo provar sua honestidade no processo judicial em andamento.

Durante a entrevista, os repórteres também questionaram a rápida ascensão financeira do prefeito, que declarou não possuir bens durante as eleições, mas agora possui casa e carro de alto padrão. Isaú justificou que um amigo advogado está ajudando em sua defesa.

Além disso, foram abordados problemas como a falta de medicamentos no hospital municipal, coleta deficiente de lixo, e ônibus escolares sucateados. Isaú respondeu prometendo melhorias e mais 100 km de asfalto através dos programas “Tchau Poeira” e “Poeira Zero”.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Internet/Reprodução

Continue Lendo
Publicidade
Publicidade

Política

Tendência