Conecte-se Conosco
Anuncie

Região

Mulher é detida no aeroporto de Porto Velho com droga oculta ao corpo

Uma mulher é presa no aeroporto de Porto Velho tentando embarcar para a Paraíba com droga enrolada ao corpo. Detalhes sobre a prisão e as repercussões.

Publicado

em

Detenção de mulher com droga escondida choca autoridades em Porto Velho

Uma mulher é presa no aeroporto de Porto Velho tentando embarcar para a Paraíba com droga enrolada ao corpo. Detalhes sobre a prisão e as repercussões.

Porto Velho, RO – Autoridades do aeroporto de Porto Velho efetuaram a prisão de uma mulher que tentava embarcar para a Paraíba transportando drogas escondidas sob suas vestes. Este episódio ilícito levanta sérias preocupações sobre a segurança nos terminais aéreos e a persistência do tráfico de entorpecentes.

O incidente, ocorrido na manhã desta quarta-feira, ressalta os desafios enfrentados pelas autoridades na contenção do tráfico de drogas em locais de grande movimentação como aeroportos. Estratégias de vigilância e detecção precisam ser constantemente aprimoradas para evitar que criminosos utilizem vias aéreas para o transporte ilegal de substâncias entorpecentes.

Agentes de segurança, em uma operação rotineira de fiscalização, identificaram comportamento suspeito por parte da mulher, que despertou suspeitas adicionais durante a inspeção de rotina. Após uma busca minuciosa, foram encontradas quantidades significativas de drogas enroladas ao redor do corpo da suspeita.

A cooperação entre diferentes agências de segurança, como polícia aeroportuária, polícia federal e agências de combate ao tráfico de drogas, é essencial para combater eficazmente esse tipo de crime. Essa sinergia permite a troca de informações e o desenvolvimento de estratégias integradas para prevenir e reprimir o tráfico de entorpecentes.

Além das consequências legais imediatas para a mulher detida, este incidente destaca os danos sociais causados pelo tráfico de drogas, que afeta não apenas indivíduos envolvidos diretamente, mas também comunidades inteiras. É crucial continuar investindo em políticas de prevenção e reabilitação para lidar com as raízes desse problema crescente.

Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas
Acesse aqui as últimas Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Ji-Paraná

Homem condenado a 37 anos por assassinar jovem com sete facadas em Ji-Paraná

Jonatan Basílio Dutra é sentenciado por homicídio qualificado e feminicídio em caso chocante.

Publicado

em

Homem condenado a 37 anos por assassinar jovem com sete facadas em Ji-Paraná

Nesta quinta-feira (07), o ex-marido de Emily da Conceição do Nascimento, de 20 anos, foi sentenciado a 37 anos de prisão em regime inicialmente fechado. Jonatan Basílio Dutra foi julgado e condenado por ter assassinado a ex-mulher com sete facadas, em um crime ocorrido em agosto de 2022 na cidade de Ji-Paraná (RO).

O réu foi considerado culpado por homicídio qualificado, feminicídio, e por descumprimento de medida protetiva, conforme decisão judicial.

Emily já havia solicitado quatro medidas protetivas contra Jonatan entre 2017 e 2022, sendo a última solicitada no dia 24 de julho de 2022, pouco antes do trágico evento.

O crime ocorreu no bairro Orleans, quando Emily, acompanhada do filho de três anos, foi atacada pelo ex-marido. Jonatan Basílio Dutra desferiu sete facadas contra a vítima, uma delas no pescoço, enquanto ela estava em uma motocicleta com a criança.

Após o assassinato, Jonatan enviou uma mensagem à mãe de Emily, relatando o que havia feito. A mãe correu para o local e encontrou a filha já sem vida, com a faca usada no crime ao lado do corpo.

O suspeito fugiu do local com o filho do casal, mas se entregou à polícia dois dias após o crime, na delegacia de Ji-Paraná.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Internet/Reprodução

Continue Lendo

Notícias

Ex-Presidiário Executado a Tiros em Vilhena: Vídeo Mostra Crime

Vídeo captura execução de ex-presidiário em Vilhena. PM prende atiradores logo após o crime.

Publicado

em

Ex-Presidiário é Executado a Tiros em Vilhena; Suspeitos Presos pela PM.

Imagens de uma câmera de monitoramento capturaram a execução do ex-presidiário Adilson Luiz Schmitz, de 44 anos, em frente a um mercado na noite da última segunda-feira (3), no bairro Cristo Rei, em Vilhena (RO). Dois suspeitos foram presos pouco depois do crime.

No vídeo, Adilson aparece em frente ao mercado quando um carro se aproxima e dois homens descem, abrindo fogo contra ele. Um homem que conversava com a vítima caiu no chão durante os disparos, mas não foi alvejado.

Pouco após o crime, a Polícia Militar conseguiu identificar, localizar e prender os dois atiradores. A Polícia Civil segue investigando o caso e busca prender mais dois envolvidos: o motorista do carro e um passageiro.

Vídeo mostra ex-presidiário sendo executado a tiros em Vilhena.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Internet/Reprodução

Continue Lendo

Ji-Paraná

Acadêmica da Unir Morre em Colisão Violenta com Carro na RO 479

Motociclista morre após colisão com Chevrolet Astra na RO 479, próximo à fazenda da Unir.

Publicado

em

Motociclista Morre em Colisão com Carro na RO 479.

Rolim de Moura, 1 de junho de 2024 – Um grave acidente de trânsito resultou na morte de um motociclista na tarde deste sábado (1º) na RO 479, próximo à entrada da fazenda experimental da Unir, na saída para a BR 364.

Detalhes do Acidente

Segundo informações, o motociclista estava saindo da entrada da fazenda quando não percebeu a aproximação de um Chevrolet Astra, que transportava moradores de Castanheiras. O motociclista atravessou a rodovia e foi atingido em cheio pelo carro.

Socorro e Falecimento

O motociclista foi prontamente socorrido pela equipe do Corpo de Bombeiros e levado à UPA de Rolim de Moura, mas infelizmente não resistiu aos ferimentos e faleceu. Os ocupantes do carro não sofreram ferimentos e aguardaram a chegada da Polícia Militar.

Procedimentos no Local

A perícia foi chamada ao local para realizar os procedimentos de praxe e investigar as circunstâncias do acidente. O incidente destaca a importância da atenção e da segurança nas rodovias.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Reprodução/Internet

Continue Lendo
Publicidade
Publicidade

Política

Tendência