Conecte-se Conosco
Anuncie

Ji-Paraná

Vitrines tecnológicas da Emater impulsionam agricultura sustentável na Amazônia

Inovações tecnológicas em Rondônia destacam agricultura sustentável na Amazônia.

Publicado

em

Inovações tecnológicas em Rondônia destacam agricultura sustentável na Amazônia

Na 11ª Rondônia Rural Show Internacional, as vitrines tecnológicas da Emater se tornaram o centro das atenções, demonstrando como a agricultura sustentável pode prosperar na Amazônia. O evento, realizado no Centro Tecnológico Vandeci Rack, em Ji-Paraná, mostrou como o agronegócio sustentável pode alimentar, sustentar e gerar empregos, ao mesmo tempo que protege o meio ambiente e promove um clima equilibrado.

Inovações tecnológicas em Rondônia destacam agricultura sustentável na Amazônia

As vitrines tecnológicas apresentam cadeias produtivas de café, cacau e piscicultura, exemplificando boas práticas sustentáveis que têm atraído agricultores, comunidades indígenas, estudantes e a sociedade em geral. O governador de Rondônia, Marcos Rocha, enfatizou que as políticas públicas do estado têm fortalecido o desenvolvimento sustentável, destacando a produção de café e cacau premiados e a piscicultura de Tambaqui, um peixe abundante e reconhecido internacionalmente.

Rondônia, que conquistou três selos de Indicação Geográfica (IG) do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi) para café, cacau e Tambaqui, alcançou o segundo maior Valor Bruto de Produção Agropecuária (VBP) da região Norte, com arrecadação superior a R$ 20,5 bilhões, ficando em 11º lugar no ranking nacional.

Produção de peixes e aquaponia

Um dos destaques das vitrines tecnológicas é a produção de peixes, apresentada pela engenheira de pesca Maria Mirtes de Lima, da Emater-RO. O Programa Peixe Saudável promove boas práticas de manejo e redução de custos de produção. Além disso, a combinação da piscicultura com aquaponia permite a utilização dos resíduos de peixes para a produção de hortaliças, evitando a poluição ambiental.

Qualidade do café de Rondônia

Na vitrine tecnológica do café, a extensionista Daniela Dalazen destaca as orientações sobre a qualidade da bebida, com amostras de cafés tradicionais e especiais, incluindo o café fermentado. A torra média é apresentada como a mais indicada, equilibrando doçura e acidez, proporcionando uma bebida agradável sem necessidade de açúcar.

Produção sustentável de cacau

César Augusto Dutra, engenheiro agrônomo da Emater-RO, apresenta a produção de cacau, enfatizando o plantio em sistemas agroflorestais, que ajudam na recuperação de áreas degradadas. Rondônia tem se destacado na produção de cacau de alta qualidade, atraindo compradores que produzem chocolates finos. O governo promove a produção e qualidade das amêndoas através do ConCacau, o Concurso de Qualidade e Sustentabilidade do Cacau de Rondônia.

Inovações na casa sustentável

A casa sustentável, apresentada por Jurandir Mesquita, engenheiro agrônomo da Emater-RO, demonstra tecnologias sociais de baixo custo, como biodigestores e sistemas de reuso de água, que utilizam carvão, areia e pedras para filtrar a água de chuveiros e torneiras.

Regularização ambiental e recuperação de nascentes

O Programa de Regularização Ambiental (PRA) visa legalizar e tornar sustentáveis 10 mil propriedades rurais até 2025. Aloiso Teixeira Pio, da Emater-RO, destaca que o governo oferece assistência técnica gratuita para elaboração do projeto. O projeto Renascer das Águas, focado na recuperação de nascentes, é outro exemplo de sucesso, garantindo recursos hídricos em quantidade e qualidade necessárias.

Visitas guiadas

As vitrines tecnológicas estão abertas para visitação todos os dias da feira, a partir das 8h, oferecendo visitas guiadas que mostram as práticas ambientais e produtivas de alta qualidade. O evento atraiu o interesse de líderes indígenas e produtores rurais, que buscam implementar essas práticas sustentáveis em suas comunidades e propriedades.

Para mais informações sobre a Rondônia Rural Show  e programação completa sobre o evento, acesse nossa sessão Rondônia Rural Show.
Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná e região

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Daiane Mendonça

Ji-Paraná

Motorista em Ziguezague morre após colisão com carreta em Ji-Paraná na BR-364

Trágico acidente na BR-364, próximo a Ji-Paraná, resulta na morte de um motorista após batida frontal com uma carreta.

Publicado

em

Motorista em Ziguezague morre após colisão com carreta em Ji-Paraná na BR-364

Um trágico incidente ocorreu na BR-364, nas proximidades de Ji-Paraná, no estado de Rondônia, neste último sábado (08), resultando na fatalidade de um motorista após uma colisão frontal com uma carreta. A comunidade local ficou consternada com o ocorrido, enquanto as autoridades investigam as causas desse terrível acidente. A vítima foi identificada como Marcos Roberto Fernandes, que era proprietário de uma empresa de produtos agropecuários em Ji-Paraná.

Motorista em Ziguezague morre após colisão com carreta em Ji-Paraná na BR-364

Motorista morre após batida de frente com carreta na BR-364 Ji-Paraná

Segundo relatos de testemunhas oculares, o motorista do carro, cujo destino era Presidente Médice, estava aparentemente perdendo o controle de seu veículo, movendo-se em zigue-zague pela estrada momentos antes de atravessar a contramão e chocar-se com a carreta. A violência do impacto foi tal que o automóvel ficou irreconhecível, e o condutor foi fatalmente ferido no momento do acidente. A carreta, por sua vez, tombou para fora da pista, indo parar entre a vegetação adjacente.

Motorista em Ziguezague morre após colisão com carreta em Ji-Paraná na BR-364

Motorista morre após batida de frente com carreta na BR-364 Ji-Paraná

A notícia do acidente rapidamente se espalhou, mobilizando equipes de resgate e a polícia rodoviária federal para o local. Seus esforços se concentraram em socorrer os feridos e garantir a segurança da área, bem como em iniciar as investigações para determinar as circunstâncias exatas que levaram ao trágico desfecho.

O impacto foi tão violento que o carro ficou completamente destruído, resultando na morte imediata do condutor. A carreta, por sua vez, tombou fora da rodovia, ficando entre a vegetação. A polícia rodoviária federal foi acionada para registrar a ocorrência e investigar as circunstâncias do acidente.

Motorista morre após batida de frente com carreta na BR-364 Ji-Paraná.

Policiais rodoviários federais foram chamados para registrar a Ocorrência.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Internet/Reprodução

Continue Lendo

Ji-Paraná

Prefeitura de Ji-Paraná Realiza Aplicação de Capa Asfáltica nos Bairros Planalto 1 e 2, Bosque dos Ipês e Copas Verdes

A Prefeitura de Ji-Paraná inicia os trabalhos de pavimentação na rua Rondônia, melhorando a infraestrutura viária da região.

Publicado

em

Semosp executa obras de pavimentação na rua Rondônia para melhorar a trafegabilidade

A Prefeitura de Ji-Paraná está empenhada em melhorar a infraestrutura viária da região, dando início à aplicação de capa asfáltica na rua Rondônia, sob coordenação da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp). Além dos cerca de 400 metros de pavimentação, estende-se desde a rua Tuiuiu, no bairro Planalto, até a José Jorge de Melo, no Bosque dos Ipês, a via também recebeu mais de 200 metros de recapeamento. O objetivo principal é melhorar a trafegabilidade na rua, que serve como principal acesso aos bairros Planalto 1 e 2, Bosque dos Ipês e Copas Verdes.

Devido ao acúmulo de água das chuvas, a rua Rondônia estava em péssimas condições, tornando essencial a sua recuperação. Antes da aplicação da nova capa asfáltica, a Prefeitura realizou a remoção de toda a base danificada, substituindo-a por uma nova base de pedras. Também foram abertas valas em ambas as laterais da via para a instalação de uma ampla rede de drenagem, coberta com manta e pedras para o escoamento adequado das águas pluviais. Após a conclusão da instalação do sistema de drenagem, a equipe de terraplanagem da Semosp implantou uma nova base e sub-base, seguida pela imprimação com salgamento antes da aplicação da capa asfáltica.

Os trabalhos de pavimentação começaram nesta terça-feira (4), com o recapeamento do trecho entre as ruas Acre e Tuiuiú. Em seguida, foi realizada a aplicação da capa asfáltica no trecho recuperado. Após a conclusão da pavimentação, a rua receberá a instalação de meio-fios, calçadas e sinalização viária para garantir a segurança de todos os usuários.

Esta iniciativa representa um avanço significativo na melhoria da infraestrutura urbana de Ji-Paraná, proporcionando mais conforto e segurança aos moradores e visitantes da região.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Lis Nathiely

Continue Lendo

Ji-Paraná

Prefeitura de Ji-Paraná amplia obras de pavimentação no bairro JK

A Prefeitura de Ji-Paraná continua com os serviços de preparação para a pavimentação asfáltica no bairro JK, visando melhorar a qualidade de vida dos moradores.

Publicado

em

Semosp avança na preparação de ruas para pavimentação asfáltica no bairro JK

A Prefeitura de Ji-Paraná está empenhada em melhorar a infraestrutura do bairro JK, seguindo seu plano para elevar a qualidade de vida dos residentes. Por meio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), os esforços estão concentrados na preparação das ruas para receberem pavimentação asfáltica.

Nesta semana, as equipes estão focadas na escavação da rua Olinda, onde serão lançadas pedras para o revestimento. Além disso, diversas outras vias, como Pastor Paulo Leiva Macalão, Marília, Imburana e Castanheira, já passaram pelo processo de escavação e colocação de pedras. O próximo passo será o nivelamento do solo, compactação da base e aplicação da camada de britas graduada simples (BGS) para preparar a sub-base.

Enquanto isso, paralelamente aos trabalhos de preparação das ruas, a equipe de drenagem da Semosp está ativamente engajada na construção de uma rede para o escoamento das águas pluviais. Esta rede, com mais de 400 metros de extensão, está sendo implantada na rua Paulo Macalão e será conectada à T-22.

Essas ações estão alinhadas com o programa “Poeira Zero” da cidade, em colaboração com o projeto “Tchau Poeira” do governo de Rondônia. A meta é pavimentar aproximadamente 100 quilômetros de vias públicas em Ji-Paraná este ano, proporcionando aos moradores mais conforto e segurança ao trafegar pela cidade.

Acompanhe as últimas notícias de Ji-Paraná
Acompanhe as últimas notícias Policiais de Rondônia

Da Redação
Folha de Ji-Paraná
Foto: Lis Nathiely

Continue Lendo
Publicidade
Publicidade

Política

Tendência